O premiado escritor brasileiro irá abrir a Festa Literária de Pirenópolis que começa no próximo dia 5 e vai até o dia 7.

O premiado escritor brasileiro Ignácio de Loyola Brandão é o convidado especial da 8ª edição da Festa Literária de Pirenópolis, a Flipiri, que começa no próximo domingo e segue até o dia 7 de junho. Ele participa da abertura do evento, no dia 5, às 19 horas,  no Teatro Municipal Sebastião Pompeu de Pina, com o espetáculo literário-musical Solidão no Fundo da Agulha, baseado no livro homônimo do escritor que traz memórias da infância do autor relatadas em crônicas. A atração tem a participação da filha de Ignácio, Rita Gullo, que interpreta canções inspiradas na obra do pai. A entrada para abertura do Flipiri é franca.

De acordo com a curadora da Festa Literária, a escritora Iris Borges, o tema do evento este ano é “Literatura e Natureza”. “Ignácio de Loyola Brandão tem muitas obras que tratam da conscientização ambiental, por isso a escolha dele como convidado especial. Além do mais ele está com esse belo espetáculo literário-musical”, destaca a curadora.

Uma novidade da Flipiri para este ano é que a Festa será dividida em dois momentos, como explica um dos organizadores do evento, Gedson Oliveira. “Serão dois dias de itinerância em todas as escolas de Pirenópolis, em que os 25 autores participantes irão às salas de aula para bater um papo com os alunos e professores”. Para isso, ele explica que há pouco mais de 30 dias foram entregues obras literárias para escolas públicas e para a única unidade de ensino particular na cidade. “Cada sala de aula trabalhou uma obra e depois teremos as visitas e o bate-papo com os autores. Isso ajuda com que esses alunos se tornem leitores”, frisa Gedson.

Em setembro

Já a segunda parte da Flipiri será realizada no mês de setembro, com datas ainda a serem definidas. “Nesse segundo momento, a Festa Literária será aberta ao público em geral e também contará com a participação de um renomado autor, cujo nome ainda não foi fechado. Teremos palestras, bate-papo com escritores, rodas literárias, oficinas literárias para alunos e professores, shows musicas, exposições de artes e feira de livros e muito mais”, conta o organizador do evento. Ele lembra que na segunda parte do evento, que acontecerá em vários prédios públicos do Centro Histórico de Pirenópolis, haverá também um encontro de ilustradores de livros. “A Flipiri é o único evento literário no Brasil que promove um encontro exclusivo para ilustradores de livros”, destaca.

De acordo com Iris Borges, curadora da Flipiri, a divisão da Festa em dois momentos possibilitará que alunos e professores trabalhem por um tempo bem maior e de forma mais ampla os livros. “Ao invés de cinco dias, alunos e professores terão cinco meses para trabalharem as obras e o tema do evento”. Segundo ela, cada escola poderá abordar os livros de forma diferente com elaboração de peças teatrais, exposições de arte,  música e outras formas.

Bons resultados

Ao longo de oito edições, a Flipiri vem ganhando fama como um importante evento literário no país, mas o mais importante, segundo os organizadores da Festa, são os resultados alcançados juntos aos futuros leitores de Pirenópolis. “Depois da Flipiri, foram criadas a biblioteca pública do Centro de Arte e Música de Pirenópolis e gibitecas em vários bairros da cidade. Ao todo, ao longo desses oito anos, já são mais de R$ 240 mil em doações de livros literários”, destaca Gedson.

“Em oito anos consecutivos de realização da Festa Literária, familiares e professores já percebem um interesse maior das crianças pela literatura, uma melhor expressão artística e compreensão da obra por parte delas. E é isso que queremos, que os mais jovens desejem ler, que esse hábito não venha somente por uma imposição ou obrigação escolar”, afirma Iris Borges.

SERVIÇO

Assunto:  8ª Festa Literária de Pirenópolis, a Flipiri,
Data: de 5 a 7 de junho
Local: Abertura no Teatro Municipal Sebastião Pompeu de Pina e demais atividades em escolas de Pirenópolis.
Horário: 19 horas do dia 5 será apresentado o espetáculo de abertura com o escritor Ignácio de Loyola Brandão e a cantora Rita Gullo

Por Anderson Costa

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *