A iniciativa veio em forma de Decreto Municipal (Decreto: 3.421/2020). O gesto é de amor, para proteger a comunidade da ameaça do coronavírus. Mesmo não tendo registrado nenhum caso da pandemia que ameaça o mundo inteiro, a Prefeitura Municipal de Pirenópolis se atentou para o perigo da contaminação da população, principalmente, da comunidade idosa que vive na cidade.

As medidas acompanham as diretrizes do Governo de Goiás, que optou pelo fechamento de quase tudo no estado. Locais como bares, restaurantes, academias e shoppings ficarão fechados por 15 dias — ou mais, caso haja necessidade. O Prefeito de Pirenópolis, João Batista Cabral, assinou na quarta-feira (17) o decreto com as regras e normas de combate ao novo coronavírus, depois de se reunir com autoridades, entidades e representantes das associações do Município.

“Este momento não é o melhor para se visitar Pirenópolis. Temos muitos idosos e a maioria dos atrativos, como bares e restaurantes, estão dando férias coletivas para suas equipes”, anunciou Marcos Vieira, Secretário de Turismo do município, durante a reunião com a comunidade, na quarta-feira (17).

Além das medidas que anunciamos acima, a Prefeitura pretende montar bloqueios na entrada da cidade para informar aos turistas desavisados e medir a temperatura dos que, por ventura, forem autorizados a entrar. Para passar pelo bloqueio, o turista terá que provar que já havia marcado a viagem antes da publicação do decreto e indicar a pousada que irá ficar para que todos sejam monitorados pelas equipes de saúde.

Com a medida de emergência, todos os eventos públicos e privados, de qualquer natureza, estão cancelados. As feiras livres estão proibidas de acontecer e cinemas, casas de espetáculos, clínicas de estética e demais comércios deverão manter as portas fechadas.

Os consultórios dentários, públicos ou privados, só podem atender casos de emergência. As atividades de atrativos naturais, como: visitas às cachoeiras e passeios em trilhas estão proibidos, bem como as excursões. Nem atividades esportivas em estádios ou campos de futebol poderão ocorrer. Missas, cultos e demais atividades religiosas que reúnam pessoas também não serão permitidas.

O decreto vale por 15 dias, mas a Prefeitura Municipal não descarta a possibilidade de prorrogação caso haja necessidade por ameaça aos pirenopolinos.

Posts Relacionados

SEU PET É VIP EM PIRI

08/09/2020 - 10:14

18

AMOR DE PAI

04/08/2020 - 11:13

18

VALOR, AMOR E CAFÉ

31/07/2020 - 11:09

18

Partiu Pedal! Partiu Piri!

28/07/2020 - 16:12

18

Piri: aguerrida e solidária

22/05/2020 - 16:41

18

Piri e os encantos do Outono

31/03/2020 - 13:58

18

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *